terça-feira , 23 julho, 2024
Lar Educação Estudantes da Rede Pública Estadual de Campos estão sendo barrados em ônibus intermunicipal mesmo com Vale Estudantil
Educação

Estudantes da Rede Pública Estadual de Campos estão sendo barrados em ônibus intermunicipal mesmo com Vale Estudantil

14
estudantes-da-rede-publica-estadual-de-campos-estao-sendo-barrados-em-onibus-intermunicipal-mesmo-com-vale-estudantil

Foto: Arquivo Pessoal

Desde o ano passado, estudantes da rede pública estadual vêm encontrando dificuldade para se locomoverem da localidade de Martins Lages, em Campos para a área central do município. Acontece que quem mora nesta localidade, só tem uma opção de ônibus, que é intermunicipal da Auto Viação Brasil e acabam sendo barrados, ao tentarem ingressar nos ônibus. Agora com a volta às aulas, o medo é não saber se vão conseguir frequentá-las, como precisam.

De acordo com uma das mães de dois estudantes do Colégio Estadual Nilo Peçanha, no Centro, desde o início do segundo semestre de 2022, a empresa da Auto Viação Brasil, não está mais aceitando transportar os estudantes, mesmo eles estando com o Vale Educação Rio Card em mãos. 

– Algumas vezes meus filhos chegaram a faltar aulas no ano passado, por eu não ter o dinheiro para pagar a passagem. Eu já fui à Secretaria de Estado de Educação, em Campos e no IMTT (Instituto Municipal de Trânsito e Transporte), mas ambos não resolveram nada e disseram que pela viação Brasil ser intermunicipal, não pega estudantes de Campos. Mas por que, que até o meio do ano passado pegavam? – Questionou Suellen Ribeiro Gomes, de 38 anos,  professora e mãe dos dois estudantes. 

A viação Brasil vem da cidade vizinha que é São João da Barra, para o Centro de Campos, a localidade de Martins Lages, fica no caminho. “Infelizmente, só existe uma empresa de ônibus que passa de Martins Lages, para o Centro e fica nisso, ninguém resolve!”, desabafa Suellen.

De acordo com a lei do passe livre estudantil nº 7.952, de 2014, o passe livre para os estudantes no transporte coletivo, tanto municipal como intermunicipal e interestadual urbano, é um direito social garantido pela Constituição Federal.

A lei dá a garantia de que todos os estudantes, sendo eles de escolas públicas ou privadas, têm o direito de se locomover por transporte coletivo de forma gratuita, promovendo assim o cumprimento de direitos e do acesso à educação.

Não só os estudantes de colégios infantis e da educação básica têm o direito, mas também os alunos matriculados no ensino superior. Além de matriculados, os estudantes precisam estar com a frequência escolar em dia para conseguir o direito. O passe livre também é estendido para o acompanhante do estudante do ensino infantil. (Fonte: https://tempodepolitica.com.br)

Nós entramos em contato com a Secretaria de Estado de Educação, para saber se está ciente que os estudantes não estão conseguindo o transporte e se existe alguma verba do Governo Estadual, destinada à empresa Brasil, para que os estudantes possuam a gratuidade no transporte público. Em nota, a Secretaria de Estado de Educação respondeu:
“A Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro (Seeduc-RJ) informa que está ciente da situação referente ao transporte escolar no município de Campos dos Goytacazes e que já adotou as medidas cabíveis para solucionar o problema. 
 
A secretaria, por meio da Coordenadoria de Transporte Escolar solicitou providências ao Detro, órgão responsável pela fiscalização das empresas de ônibus a fim de garantir o transporte escolar para os estudantes da região. Além disso a Diretoria Regional Administrativa e a Coordenação de Infraestrutura da Regional  Norte Fluminense estão com agenda junto ao Presidente do IMTT (Instituto Municipal de Trânsito e Transporte), no município de Campos , onde o problema será apresentado em busca de soluções.” 
 
Já a Prefeitura de Campos disse que: “Esta é uma demanda de competência do Detro, uma vez que é de transporte intermunicipal. Todavia, para ajudar a resolver o problema, o Departamento de Transporte da Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia entrou em contato com o órgão estadual na semana passada, comunicando o caso, que já foi resolvido, conforme confirmação de pais de alunos da localidade de Martins Lage.”

Nós enviamos um e-mail para a assessoria de comunicação do Detro, mas não tivemos resposta. Já a empresa de transporte coletivo Brasil, nós não conseguimos contato.

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Campos: Projeto em comemoração ao centenário da Semana de Arte Moderna; inscrição aberta

27/08/2022 às 10h25min – Atualizada em 27/08/2022 às 10h25min As escolas podem...

Estudantes da rede municipal recebem Projeto Enel Compartilha Energia na Escola

23/08/2022 às 10h53min – Atualizada em 23/08/2022 às 10h53min Projeto Enel Compartilha...

Extensão universitária em debate na XIV Mostra de Extensão UENF/UFF/IFF

Como parte da programação da XIV Mostra de Extensão UENF/UFF/IFF e VI...

​Renovação de matrícula na rede municipal de São João da Barra começa nesta segunda-feira

17/10/2022 às 12h44min – Atualizada em 17/10/2022 às 12h44min Prazo vai até...